CineAMA/ARQ – “Fogo e Paixão”

Nessa quinta, 13 de novembro, teremos o quarto CineAMA desse semestre, com o filme Fogo e Paixão. Mais conhecidos por seu trabalho no campo da Arquitetura, Marcio Kogan e Isay Weinfeld aqui são os diretores da comédia, que apesar do baixo orçamento, tem um elenco conhecido do grande público como Fernanda Montenegro, Regina Case, Rita Lee, entre outros. O filme deia retrata um grupo de pessoas que passeia por uma grande cidade. Na volta pra casa, o japonês Kankeo, um dos turistas, mostra o vídeo do passeio para um grupo de amigos.

Não perca, dia 13, as 18h, na Sala do AMA.

Leia uma matéria sobre o filme no ArchDaily.


CineAMA com novas datas

No semestre 2014.2 o AMA está organizando a nossa sessão de cinema – o CineAMA – com frequência regular, quinzenalmente. O objetivo é aproximar os alunos do curso de Arquitetura e Urbanismo da UFSC à produção cinematográfica, que de alguma forma se relaciona com as reflexões abordadas no curso e no ateliê modelo de arquitetura, e procura atingir outros possíveis sentidos da Arquitetura e Urbanismo, através de olhares que complementam nossas reflexões sobre a realidade e o imaginário dos espaços.

Não perca a programação regular do CineAMA desse semestre! Agora, todas as quintas, quizenalmente.

  • CineAMA#01 – 18/09/2014

CAPACETES COLORIDOS de Paula Constante [Mês do AMAdor]

  • CineAMA#02 – 22/10/2014

ENTREVISTA COM SÉRGIO FERRO cedidas por Paula Constante [SemanARQ]

  • CineAMA#03 – 29/10/2014

MACIÇO de Pedro MC

  • CineAMA#04 – 13/11/2014

FOGO E PAIXÃO de Isay Weinfeld e Marcio Kogan

  • CineAMA#05 – 27/11/2014

PRATA PALOMARES de André Faria

  • CineAMA#06 – 11/12/2014

SELEÇÃO DE CURTAS

CineAMA/ARQ – “Maciço”

Maciço

No semestre 2014.2 o AMA está organizando a nossa sessão de cinema – o CineAMA – com frequencia regular, quinzenalmente. O objetivo é aproximar os alunos do curso de Arquitetura e Urbanismo da UFSC à produção cinematográfica, que de alguma forma se relaciona com as reflexões abordadas no curso e no ateliê modelo de arquitetura, e procura atingir outros possíveis sentidos da Arquitetura e Urbanismo, através de olhares que complementam nossas reflexões sobre a realidade e o imaginário dos espaços.

No terceiro CineAMA do semestre teremos o documentário Maciço, de Pedro MC. Nele é mostrada a realidade do Maciço do Morro da Cruz, em Florianópolis, dando voz aqueles que lá vivem – moram mais de 30 mil habitantes em 17 comunidades do Maciço.

E, claro, também terá o papopipoca: a proposta de tema da noite é AQUI, A CIDADE INFORMAL.

Confirme presença no evento no Facebook.

Leia uma entrevista com o diretor de Maçico, Pedro MC.


Não perca a programação regular do CineAMA desse semestre!

  • CineAMA#01 – 18/09/2014

CAPACETES COLORIDOS de Paula Constante [Mês do AMAdor]

  • CineAMA#02 – 22/10/2014

ENTREVISTA COM SÉRGIO FERRO cedidas por Paula Constante [SemanARQ]

  • CineAMA#03 – 29/10/2014

MACIÇO de Pedro MC

  • CineAMA#04 – 12/11/2014

FOGO E PAIXÃO de Isay Weinfeld e Marcio Kogan

  • CineAMA#05 – 26/11/2014

PRATA PALOMARES de André Faria

  • CineAMA#06 – 10/12/2014

SELEÇÃO DE CURTAS

AMA na SemanARQ 2014

Nessa semana aconteceu a XV SemanARQ e o AMA ofereceu a sua oficina: “Hortas Urbanas”.

Agora a Arquitetura tem uma horta logo ao lado do Pavilhinho. Confira algumas fotos do resultado:

Veja mais fotos da horta e da SemanARQ nos álbuns do CALA no Facebook.

SemanARQ 2014: Em Construção

SemanARQ 2014Na Semana Acadêmica de Arquitetura de 2014, vamos investigar as relações teórico-práticas no curso de Arquitetura e Urbanismo. Estamos EM CONSTRUÇÃO.

A busca por uma experiência transformadora é o ponto de foco da SemanARQ 2014, que ocorrerá entre 20 e 24 de outubro. Dando continuidade às discussões curriculares que acontecem há dois anos na Arquitetura UFSC, os estudantes propõem a SemanARQ como forma de colocar em prática o pensar do canteiro experimental como produção do conhecimento e gerador de problemas do projeto, através do auxílio dos nossos professores e de convidados; obter impulso nas nossas indagações coletivas durante as mesas de debate; despertar a curiosidade através de novas técnicas e conhecimentos nas oficinas e mini cursos; e transpassar os limites do nosso prédio ao vivenciar a Ilha e seus contrastes e perceber como podemos atuar de fato nas demandas da sociedade.

Saiba mais sobre cada evento na página da SemanARQ no Facebook e no blog do CALA.

AMA na SemanARQ

O AMA oferece a oficina de Hortas Urbanas na terça, quarta e quinta-feira, as 14h. Faremos com os participantes a recuperação do espaço do antigo auditório da Arquitetura com uma Horta Urbana. A participação é livre, e recomendamos levar protetor solar, luvas, chapéu e repelente.

Oficina do AMA

Mês do AMAdor

Mês do AMAdor

No início desse segundo semestre de 2014, preparamos um calendário de atividades para atrair novos membros para o AMA – ou, como chamamos, AMAdores. Assim surge o Mês do AMAdor. As atividades são direcionadas aos calouros, mas são abertas a todos, de qualquer fase, que quiserem participar do Ateliê ou conhecer melhor o nosso trabalho.

Confira as atividades:

Apresentação para os Calouros: CALA/AMA/PET-ARQ | As entidades estudantis da ARQ/UFSC tradicionalmente se apresentam aos novos calouros explicando o que são, o que fazem e para que servem.

Karaokê do AMA (V e VI) | Música, alegria e diversão: esse é o Karaokê do AMA, onde o público é a atração.

Projeto Caravanas: O que te espera além de 4 paredes – FeNEA e seus eventos | Palestra da FeNEA nas faculdades de Florianópolis e São José sobre os eventos – encontros, seminários, etc. – e a própria dinâmica da Federação.

Visita à Serrinha com o professor Lino Peres e atividade fotográfica | A tradicional vivência no Maciço do Morro da Cruz, realizada pelo prof. Lino, será realizada com os calouros. A ideia é fazer uma exposição das fotos dessa atividade antes do VI Karaokê do AMA.

Papo de boa para novos membros do AMA | O papo dibouas é a reunião feita logo depois da apresentação com os calouros, e é a que esperamos receber o maior número de AMAdores. Nela explicamos mais especificamente o nosso funcionamento. Mas se não puder ir, basta vir a outra reunião do AMA que vamos te receber 🙂

CineAMA – “Capacetes Coloridos” | será o primeiro CineAMA do semestre. A ideia é fazer um a cada quinze dias.


As datas podem sofrer alterações durante o mês. Fique de olho na página do AMA no Facebook e não perca!

Apresentando: SeNEMAU Floripa 2014

Banner de Divulgação

Em 2014, pela segunda vez, o AMA e a UFSC serão sedes do Seminário Nacional de Escritórios Modelo de Arquitetura e Urbanismo – o XVIII SeNEMAU.

Para apresentar o evento e começar a convocar os estudantes pra participar, faremos a Apresentação do SeNEMAU. Faremos uma introdução sobre os conceitos e acontecimentos e como ajudar – ser ComOrg, apoio ou apenas participar.

Será no dia 29 de agosto, na Sala dos Espelhos (2º Andar da Arquitetura). Confirme presença no evento e apareça por lá!

Maratona de Projeto Parque Cultural das 3 Pontas

Maratona de Projeto - Ponta do CoralO Ateliê Modelo de Arquitetura – AMA e o Centro Acadêmico Livre de Arquitetura – CALA da Universidade Federal de Santa Catarina convidam a todos para a Maratona de Projeto do Parque Cultural das 3 Pontas.

A Maratona de Projeto do Parque Cultural das 3 Pontas é uma ação do AMA e do Movimento Ponta do Coral 100% Pública e Parque Cultural das Três Pontas que irá selecionar projetos que revelem a beleza e reforcem a necessidade de se defender a Ponta do Coral como uma área de proteção 100% pública e livre de intervenções descaracterizantes. A Chamada se estende para estudantes, bem como coletivos artísticos, de qualquer nacionalidade, independente do nível de conhecimento ou da profissionalização, a fim de valorizar a pluralidade de olhares e criar um projeto paisagístico interdisciplinar da Ponta do Coral. A Chamada acontece de 25/08/12 a 26/08/12, para que no dia 26/08/12 seja divulgado o resultado. Os projetos selecionados participarão de uma exposição itinerante.

Estaremos recebendo as inscrições até o dia 24/08 através do e-mail: ufscama@gmail.com.

Para se inscrever basta enviar nome completo e número de matrícula ou entidade, para o e-mail, as equipes serão montadas no dia do evento, seguindo o modelo de Maratona de Projeto. 

Proposta da oficina:

A proposta da oficina é de promover um projeto interdisciplinar junto à comunidade, para que ideias e desejos sejam transformados em um desenho concreto para o Parque Cultural das 3 Pontas. O Parque Cultural das 3 Pontas é composto pela Ponta do Coral, Ponta do Lessa e Ponta do Goulart.  

Regras:

As equipes deverão ter membros de pelo menos dois cursos diferentes e no mínimo quatro pessoas. A área de intervenção é compreendida pelas 3 pontas: Ponta do  Coral, Ponta do Lessa e Ponta do Goulart que devem seguir as diretrizes:

Diretrizes gerais do Parque Cultural das 3 Pontas:

Infraestrutura e equipamentos públicos como praças, quiosques, mirantes, observatório, decks, parques infantis, praça para feiras, aquário municipal, entreposto de frutos do mar, duchas e banheiros públicos, academias publicas, ao ar livre, teatro de arena, jardins, bicicletários, via gastronômica.

Geração de trabalho e renda para a população e a economia local, nos setores da pesca artesanal e aquicultura, gastronomia, artesanato, lazer, turismo ecológico, histórico e cultural. Criação de rota de ostras. Capacitação da população local para gerenciamento do parque. Oficinas de pesca e fabricação de tarrafas, mostra de carpintaria naval e outros artesanatos com a implantação de ateliês.

Divulgar e difundir os valores da cultura ilhéu utilizando elementos como: rancho com embarcações típicas, produção e venda de produtos tradicionais, construção de canoas de garapuvu, passeios em embarcações típicas açorianas.

Atividades de educação ambiental para despertar a consciência sobre o meio ambiente. Utilizar mecanismos educacionais, como painéis ilustrando indivíduos da fauna e flora do mangue, mar e costões. Passeios de barco e trilhas ecológicas. Monitoramento ambiental da área, pesquisas científicas sobre a geo-biodiversidade local. Reflorestamento e ajardinamento paisagístico com espécies nativas.

Promover a integração do entorno urbano ao Parque Cultural das Três Pontas. Criar uma rede de mobilidade e acessibilidade entre as três pontas, e nos canais e rios do manguezal e a inserção destas na malha urbana de Florianópolis. Tratamentos das pavimentações apropriadas de integração e revitalização da orla. Construção de passarelas sobre vias, passeios, decks, ciclovias e caminhos, garantindo o acesso às áreas, bem como a desprivatização do acesso a orla da Baía Norte.

Diretrizes específicas de cada Ponta:

Ponta do Coral:

O Projeto do Parque Cultural das 3 Pontas prevê usos públicos e espaços de convívio, garantidos com o retorno do zoneamento para Área Verde de Lazer (AVL). A posição da Ponta do Coral é estratégica para a atividade da pesca artesanal.

Ponta do Lessa:

Atribuição de usos culturais e tradicionais, buscando o zoneamento como Área de Proteção Cultural (APC),

Garantia da conservação dos sítios arqueológicos, integrando a comunidade local ao Programa de Visitação e ressaltando a importância da pesca artesanal e dos usos tradicionais da região.

Ponta do Goulart:

A Ponta do Goulart configura uma elevação entre dois manguezais, o Parque Municipal do Manguezal do Itacorubi e Estação Ecológica Carijós, sendo assim Zona de Amortecimento e grande refugio da rica avifauna local.

Sua riqueza ecológica e cultural justifica a necessidade de conservação da área que tem grande potencial para atividades de lazer monitoradas, apoiadas no conceito de Condução Ambiental e Cultural por trilhas que levam às suas 8 praias, além de passeios ecológicos embarcados.

O projeto deve conter:

No mínimo quatro pranchas em formato A2 contendo um memorial descritivo com o desenvolvimento do conceito do projeto, assim como cada ponta terá que ter no mínimo uma prancha contendo seu projeto  paisagístico.

Programação:

25 de agosto

10:00 | Apresentação da área de intervenção

13:30 | Visita à área de intervenção

15:30 | Início da Maratona

26 de agosto

16:00 | Entrega do projeto

18:00 | Premiação e coquetel de encerramento

Recepção aos Calouros 2012.1: intervenções na Ponta do Coral e no centro de Floripa

Na segunda feira (19/03), os calouros da ARQ foram ao centro de Florianópolis em uma atividade de recepção organizada pelo AMA, CALA e PET/ARQ.
O intuito da atividade era elucidar aos estudantes questões sobre especulação imobiliária, mobilidade urbana e patrimônio histórico e paisagístico.
O roteiro passava por pontos que estão em foco na cidade: a Ponta do Coral, o trapiche da Beira-Mar (quarta ponte), a cabeceira da ponte Hercílio Luz e Parque da Luz.
Além da discussão sobre esses pontos e sua importância na cidade os calouros fizeram intervenções, com a montagem de dois painéis: um mural na Ponta do Coral alertando para as possibilidades de uso e outro mural na cabeceira da ponte, ressaltando sua importância como patrimônio histórico.